Olá, gente!
Espero que esteja tudo lindo com vocês, recebam meu carinho cheio de boas energias neste dia.

Hoje trago para vocês na coluna Entrevista com o autor a presença muito querida do Maurício Gomyde, escritor de romance nacional, parceiro do Vida & Letras. Ele já lançou vários livros de sucesso, entre eles O rosto que precede o sonho e A máquina de contar histórias, último livro do autor até então. Na próxima terça-feira (01) seu novo trabalho, intitulado Surpreendente, pela Editora Intrínseca, chega ás lojas, por isso convidei o Gomyde para "bater um Papinho" - olha a intimidade da pessoa! -, ele aceitou e me contou um pouco mais sobre seu novo trabalho, como se deu o processo de escrita do livro, o que o inspirou a escrever, o que podemos esperar da história, entre outras coisas que vocês podem ler a seguir.  ()



***
♥) No próximo dia primeiro seu novo livro vai estar disponível nas livrarias de todo Brasil, pela Editora Intrínseca. Em poucas palavras, o que você poderia nos contar sobre Surpreendente!?
- Surpreendente é um ‘road book’, se é que existe essa definição (risos). É uma história sobre amizade, sobre o que a estrada pode provocar nas pessoas quando elas têm um objetivo comum.  Em suma, conta a história do Pedro Diniz, que tem um problema a resolver, relacionado ao cinema, e então seus melhores amigos resolveram dar um jeito nisso. A solução só será satisfatória se eles conseguirem realizar “o maior filme de estrada de todos os tempos”.

♥) Você ficou muito conhecido quando ainda escrevia livros de modo independente e ficou famoso por trazer seu público na construção de suas histórias, como em Ainda Não Te Disse Nada e O Rosto Que Precede o Sonho, que você fez uma promoção para escolher alguém para ser personagem dos respectivos livros. Nesse novo trabalho você se baseou em alguém ou na história de alguém para escrever?
- Sim, neste 6º livro eu também busquei um de meus leitores para compor um personagem. Fiz uma promoção ano passado e foram mais de 15.000 participações. A sorteada foi a Bruna Mayla, de Maceió. De tal forma que criei uma personagem chamada Mayla e que tem tudo a ver com a Bruna. Não a conheço pessoalmente, mas quem sabe um dia eu possa saber como ela é exatamente. Acho que esta interação com o público é fundamental, e aprendi muito no independente. O livro também tem um pouco de mim, pois fui estudante de cinema.

♥) Com certeza você um, dois ou mais escritores favoritos na vida. Qual deles você destacaria?
- Gosto muito do Nick Hornby. O jeito que ele escreve é simples, direto, sem muitos rodeios. Quando li o “Alta Fidelidade” pirei. Falei pra mim mesmo: “Poxa, eu queria ter escrito esse livro!” (Risos).

♥) Você sempre aborda temas cativantes nos seus livros. Em Ainda Não Te Disse Nada você inseriu o uso de cartas, algo tão raro de se ver hoje em dia; em A Máquina de Contar Histórias  você abordou um dramático e lindo problema familiar. Em Surpreendente! qual problemática merece atenção maior?
- O cerne da questão é de um cineasta que descobre que tem um problema seríssimo a resolver. Se ele não correr, não conseguirá realizar seu maior projeto de vida. Como disse, é um livro eminentemente sobre amizade, sobre o que as curvas e retas da estrada podem realizar de transformação na vida das pessoas. Tem muito romance, drama, humor. Acho que ficou emocionante como todos meus outros livros.

♥) Como surgiu a ideia de escrever um personagem com uma doença degenerativa, que o levou à cegueira? Existe algo da realidade do Maurício nisso?
- Eu tenho um amigo que trabalha ao meu lado e é cego. Ele teve essa degeneração. E conversamos muito, escutei bastante. Ele foi meus olhos quando não consegui enxergar coisas para a história. Eu pensei: “O que seria mais complicado e angustiante para uma pessoa que descobre que está perdendo a visão?” Então, criei um cineasta. O livro é um tributo ao cinema, em última estância.

♥) Eu sempre gosto de perguntar sobre o processo de escrita do autor – como foi, onde foi escrito, quanto tempo durou. Pode falar um pouco sobre isso?
- Comecei a escrever o livro logo após a bienal de SP do ano passado (quando lancei A Máquina de Contar Histórias). Foram 4 meses de escrita. Daí a Intrínseca me contratou. E eu continuei mexendo até entregar para eles. O livro foi escrito em Brasília, sempre é. Eventualmente eu viajo para me inspirar. Fui algumas vezes a Pirenópolis, que é onde acontece boa parte da ação.

♥) Há algo de especial que você poderia dizer sobre o livro, como um momento especial ou algo que te emocionou enquanto escrevia, mas sem dizer muito para não estragar a surpresa?
- Há uma cena muito forte, mas não posso detalhar aqui para não estragar. Ela acontece em um escritório que é muito parecido com o meu próprio (coloridíssimo!). O Pedro não queria esquecer como eram as cores, então ele apronta algumas coisas que tornam aquele o lugar mais lindo do mundo. Vale conferir.  

♥) O que Surpreendente! representa para você, Maurício?
- É um divisor de águas mesmo, porque eu sempre sonhei em estar nesta editora. Eles têm dado muito apoio, compraram a briga mesmo. Então, depois de muito trabalho independente e de uma transição muito legal, como foi com a Novo Conceito, agora é hora de testar a coisa em um patamar mais forte. Espero que dê certo. Estou confiante.  

♥) E com certeza nós, fãs do seu trabalho, estamos torcendo por isso, Maurício. Sucesso para você!

Se você ainda não conhece o trabalho do Maurício, acesse o site www.mauriciogomyde.com e saiba mais.
Acessem também o site que a Intrínseca criou para Surpreendente!

E não esqueçam que no dia 12 de setembro ele vai estar na Bienal do livro do Rio de Janeiro, lançando o livro.



Espero que tenham gostado da entrevista. Caso queiram conferir uma entrevista com algum autor específico pode enviar soluções por e-mail (vidaeletras@gmail.com) ou através dos comentários aqui embaixo.

Até mais!
Encontro vocês logo, logo.

Bjux do Diih ♥ 

50 comentários:

  1. Oi, Di, seu linda! ♥

    Ótima entrevista, perguntas muito pertinentes e bem feitas. Adorei!
    As respostas do Mauricio foram ótimas também, eu nunca li nada dele, mas de tanto que você fala já sinto vontade! hahaha
    Dia 12 eu vou estar lá na Bienal, vou ver se passo lá no estante para conhecê-lo! :)

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook - Participe do sorteio e concorra a um exemplar do livro Como Eu Era Antes de Você e a um lindo marcador de página pintado à mão! :)

    ResponderExcluir
  2. Olá, Diego.

    Maravilhosa a entrevista, sempre é bom conhecermos mais o processo de criação do livro. Não conhecia o autor mais fiquei interessada por esta obra dele!
    http://blogexplicita.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Rebeca. Indico a você fazer qualquer leitura do autor.
      Bjux.

      Excluir
  3. Oiii!

    Eu não li nada do autor ainda acredita, mas não conheço uma alma que não elogie a escrita desse autor.
    Eu ADOREI a entrevista e fiquei muito feliz quando vi que ele era da Intriseca :D
    Desejo todo sucesso do mundo para ele!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois bem, as almas estão lhe dizendo "LEIA"! rs.

      Excluir
  4. Olá, Diegooo!

    Nunca li nada do autor e, juro, eu queria MUITO ler um livro com esse tema. Tô bem ansioso por esse, já vou adicionar na wishlist e quando ler te conto o que achei <3. A entrevista ficou excelente, parabéns!

    Abraços,
    http://paginou.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Eu tô animadíssima para esse livro! Amo "road-books" e a escrita do Maurício é deliciosa. Me apaixonei por "A Máquina de Escrever Histórias". Pensei "Eu queria ter escrito esse livro" quando acabou HAHAHAHAHAHA
    Espero ansiosamente pelo lançamento. <3
    whoosthatgirrl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Di, entrevista ótima. Excelentes perguntas, mostrou pra gente um pouquinho por trás das obras do Maurício.
    Já te disse em outras oportunidades que, infelizmente, nunca li nada do Mauricio, mas pretendo reverter isso em breve.
    Bjs*.*
    MaH

    O que disse, Alice?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já reverteu essa causa, senhora Mah?
      Obrigado. rs.
      Obrigado pelo elogio rs.
      Bju

      Excluir
  7. Oi, Di! Adorei a postagem! Super continue com as entrevistas, você tem todo jeito pra esse trabalho-converas :)) Ainda não conheço o trabalho do Maurício mas a ideia de uma leitura "on the road" também me agrada bastante.

    Bjs,
    Rebeca

    ResponderExcluir
  8. Obrigado pela oportunidade, Diego. E parabéns, mais uma vez, pelo blog.
    Abração.

    ResponderExcluir
  9. Ha, que bacana, curti muito a entrevista. Provavelmente darei uma passadinha lá.

    devoradores2livros.blogspot.com.br

    Um xero.

    ResponderExcluir
  10. Oie,
    adorei a entrevista.
    Já conheço o trabalho do Mauricio e espero que cada dia ele atinja mais e mais leitores.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oie,
    amei a entrevista!! Tem pouco tempo que o encontrei pelo face e começamos a conversar. Ele mora na mesma cidade que eu moro e espero em breve conhecer pessoalmente.
    Parabéns pela entrevista.
    beijos
    www.conchegodasletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Gomyde é um querido. Espero que leia muitos livros dele e se encante.
      Bjux

      Excluir
  12. Adooro entrevistas e não só porque estou estudando jornalismo hahaha
    O livro dele é bem instigante mesmo, tenho vontade de ler!
    Gostei das respostas dele. Amo a editora e meu sonho é publicar u livro com ela também!

    Beijo
    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Raissa espero que a essa altura já tenha lido o livro.
      Bjux

      Excluir
  13. Super legal a entrevista, parabéns!!!

    http://blogmemoriies.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Di Ahazando! hahahaha
    Até o Maurício veio comentar! *--*

    ResponderExcluir
  15. Oi Di!

    Adorei a entrevista, Parabéns!
    Não li nada do autor, tenho muita vontade. Todo mundo fala muito bem dos livros dele, espero conseguir ler em breve.

    Beijos!

    Cintia
    http://www.theniceage.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que isso já tenha mudado, Cintia. Leia qualquer um dos livros dele porque vc vai se apaixonar.
      Bjux

      Excluir
  16. Oi, Diego!
    Gostei muito a entrevista, parabéns! Preciso muito conhecer o autor.

    Beijo.
    livrosdawis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Wis.
      Espero que leia algum livro do Gomyde e me conte o que achou.
      Bju

      Excluir
  17. Oi, Diego! Tudo bem com você?
    Parabéns pela entrevista, eu não conhecia o Maurício Gomyde nem os livros dele.
    Fiquei encantada em conhecer o Maurício através do seu blog
    Muito obrigada pela dica.
    Beijokas!!!
    http://viciadaporlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kênia! Obrigado.
      Fico feliz em poder apresentar um autor de qualidade para você.
      Bjux

      Excluir
  18. Adoreei a entrevista! O Maurício é um autor que vem crescendo muito e merece todo o sucesso. Super curiosa pra ler essa nova obra!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha nova no blog de "Máscara", vem conferir!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Merece muito sucesso e reconhecimento mesmo, Carol.
      Bjão.

      Excluir
  19. Oi ...
    Sua entrevista ficou linda !!! Quando li "A máquina de contar histórias" eu fiquei fascinada ! A escrita do autor é muito linda .
    Que moral , heim ? Tem comentário aqui até do próprio Maurício :)

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Diane! C viu!? O Maurício é um querido, um poço de simpatia. "A máquina de contar histórias" é mais um livro lindo que ele escreveu e eu adoro.

      Bjux.

      Excluir
  20. Oi Di! :)
    O Mauricio é tão simpático! Adoro acompanhar seu trabalho no facebook e me divirto quando ela conta algum caso da sua filha rs.
    Fiquei curiosa para conhecer o livro "Alta Fidelidade" que o autor indicou e, é claro, conferir também Surpreendente! :D
    Espero ter a oportunidade de conhecê-lo ^^
    Beijos!

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero saber sua opinião logo, Bahzinha.
      Bjux.

      Excluir
  21. Oi, Diego! Tudo bem? Menino, você tá muito chique, hein? Arrasou na entrevista! :D
    Eu nunca li nada do Maurício, mas confesso que tenho muita vontade de ler os livros dele. "Surpreendente!" parece ser ótimo, espero lê-lo em breve! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/2015/08/resenha-premiada-johnny-bleas-um-novo.html <- Tá rolando promoção do livro "Johnny Bleas - Um Novo Mundo" lá no blog! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já leu, Tony?!
      Já quero ler resenha sua de "Surpreendente"!, viu!

      Abraço.

      Excluir
  22. Adoro ler entrevistas porque elas me dão vontade de conhecer mais aida o livro e fazer mil outras perguntas a respeito rs.

    Beijos.
    www.notamentaal.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que agora já conhece o Gomyde. Mas já leu o livro? rs.

      Bjux

      Excluir
  23. Melhor coisa de valorizar a literatura nacional: proximidade com o autor.
    É tãaao maravilhosa essa ligação entre leitores e escritores. <3 Sinto que ele é uma ótima pessoa apenas por observar a sensibilidade que teve em escrever Surpreendente! Fiquei muito curiosa e envolvida pela história. E hey, sabe o que me chamou atenção também? A personagem que ele disse ser baseada na Bruna. Eu conheço alguém com esse nome, sobrenome e sou de Maceió. Quais as chances de ser a mesma pessoa? Estou calculando mentalmente, a cidade é pequena. hahaha Que sorte a dela! E você está com a moral, né? Parabéns pela entrevista e parceria com ele. :) Beijo!
    Lis | www.umareescrita.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lisete! =)
      o Maurício é um cara ótimo, simples,com uma sensibilidade admirável.
      Olha lá...vai que você conhece a Bruna, né? Olha que legal! Pergunta pra ela e faz uma matéria especial (rs.).

      Bjão.

      Excluir
  24. Olá Di Querido <3
    Mininu você está arrasando, hein? Parabéns pela entrevista! Ficou maravilhosa <3 O autor e o livro parecem ser maravilhosos! Espero lê-lo logo.
    Beijinhos, Nathália
    www.livrosdagarotavermelha.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, minha garota vermelha linda. Já leu o livro?
      Espero opinião.

      Bjux.
      Diego, Blog Vida e letras
      www.blogvidaeletras.blogspot.com

      Excluir
  25. Oi, Di! Tudo bem?
    Eu conheci o trabalho do autor por você, e achei bem interessante as premissas dos livros escritos por ele. Parabéns pela ótima parceria e pela entrevista!
    Beijos!
    http://apenasumaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina Mari, obrigado! Espero que leia algo dele logo.
      Bjux

      Excluir

"Agora que você já leu, que tal participar deixando seu comentário?"