17.4.13

Senhor Tempo




Tempo. É isso... É só uma questão de tempo! O tempo que indagam, o tempo que me dizem passar quando menos se espera. Tempo.

Do que é feito o tempo? É simplesmente um relógio, um clarão e um escurecer no céu?  Ou seria, tempo, o frio em consequência da chuva, a quentura ocasionada pelo sol?

E quanto tempo dura o tempo? O tempo para esquecer, gostar, gostar de si, começar; o tempo para recomeçar. Quanto tempo dura o tempo para, enfim, um coração aflito se encontrar a tranquilidade e dormir em paz?

Eis que me deparo com o senhor de toda cura e aflição. Me perco, questiono e até insulto ele. Amaldiçoo por considera-lo tão injusto, xingo por ser tão apressado quando tudo vai bem demais e por ser tão vagaroso quando os sonhos se misturam com a realidade e tudo fica confuso demais.

É isso. É o tempo que me resta, o tempo que me cerca, o tempo pelo qual, feito mãe que aguarda para dar luz à sua cria, eu terei de esperar também. 

© 2013 Todos os direitos reservados

Um comentário:


  1. Olá, tudo bem ?
    Uma amiga minha indicou o seu blog para mim e achei muito legal aqui. Principalmente seus textos, parabens. Achei bem interessante, ainda mais se tratando de coisa que amo...LIVROS =]

    Olha se quiser ir visitar meu cantinho será muito bem vinda. E se quiser me linkar, seguir e curtir a minha pagina no face, farei o mesmo por vc tá ?? Me visita...

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

"Agora que você já leu, que tal participar deixando seu comentário?"