12.9.12

O lar


Acordo mais cedo que o sol,
Durmo depois da lua
E o céu ao meu redor
Continua estrelado.

O chão que piso completa
O que dizem ser mundo
A imensidão ao meu redor
Só me mostra o meu introspectivo lar

De onde eu tento extrair
Os melhores feitos
Deixo escapar os maiores segredos
De um homem imperfeito,
De um menino, às vezes, feliz.

© Diego França 2012 *

0 comentários:

Postar um comentário

"Agora que você já leu, que tal participar deixando seu comentário?"